A quatro tipos básicos de tecidos no organismo humano: tecido epitelial, tecido conjuntivo, tecido muscular e tecido nervoso. Eles não existem isoladamente, eles juntam-se uns aos outros em proporções variáveis para formam os diferentes órgãos e sistemas do organismo humano.
As postagens desse assunto vai ser o seguinte:
Tecido Epitelial:No fim dessa postagem.

Tecido Conjuntivo:2º postagem.

Tecido Muscular:3º postagem.

Tecido Nervoso:4º postagem.

Tecido Epitelial
O tecido epitelial faz o revestimento interno e externo de órgãos e compõe as glândulas.
Todas as células se agrupam sem deixar espaços entre si com a função de revestir o corpo e os órgãos interna e externamente, constituem o tecido epitelial.
O tecido epitelial ou epitélio pode ser simples ou estratificado. O epitélio simples é formado por uma só camada de células achatadas, cúbicas ou prismáticas. O epitélio estratificado é formado por várias camadas de células. O revestimento interno dos vasos sanguíneos é constituído por um epitélio simples que recebe o nome de endotélio. A epiderme da pele é constituída por um epitélio estratificado.
O revestimento do tubo digestório das vias respiratórias e urogenitais é feito de tecido epitelial. O epitélio que reveste internamente os órgãos ocos form juntamente com um tecido conjuntivo, uma membrana denominada mucosa.
O epitélio que recobre certos órgãos externamente forma outro tipo de membrana denominada serosa. Assim temos as pleuras, serosas que envolvem os pulmões; o pericárdio, serosa que envolve o miocárdio; o peritônio, serosa que envolve o intestino.
O tecido epitelial pode se diferenciar em tecido glandular quando suas células secretam substâncias.
As glândulas podem ser de secreção externa ou exócrinas-quando seus produtos saem do corpo ou caem no tubo digestório-e de secreção interna ou endócrinas-quando seus produtos são lançados na circulação sanguínea e vão atuar em outro órgão do corpo.
São exemplos de glândulas exócrinas as sudoríferas, as sebáceas, as lacrimais e as mamárias. São glândula endócrinas aquelas que lançam hormônios, seus produtos, na corrente circulatória, como a hipófise, a tireoide, as paratireoides e outras.
Algumas glândulas são mistas, pois apresentam função exócrina e endócrina. É o caso do pâncreas. Seu suco pancreático é lançado no intestino delgado pelo ducto oancreático, e seus hormônios, a insulina e o glucagon, são lançados diretamente.