O tecido conjuntivo é o que mais produz no organismo. As células deles são encontradas separadamente umas das outras por material intercelular sintetizado por elas. A principal característica desse tecido é que a riqueza em material intercelular, é o que falta no tecido epitelial.
São vários tipos de tecido conjuntivo a o: ósseo, cartilaginoso, sanguíneo, adiposo, conjuntivo propriamente dito e conjunto de propriedades especiais, como o tecido hematopoético.

Os tecidos ósseo e cartilaginosotêm a função de sustentação. No tecido ósseo, o material é sólido, dentro dele tem carbonato e fosfato de cálcio e associado a uma parte orgânica constituída de uma proteína denominada osseía. Esse tecido é atravessado por canais por onde passam vasos sanguíneos que levam nutrientes a células e nervos.

O tecido cartilaginoso é resistente porém flexível não é percorrido por vasos sanguíneos nem por vasos linfáticos (é um canal que conduz um líquido transparente, amarelo ou incolor que contém glóbulos brancos) e nervos.
No nosso corpo se encontra cartilagens nas paredes das narinas, na traquéia e nos brônquios, nas extremidades das costelas, no encaixe dos ossos longos que se articulam, na orelha(pavilhão auditivo)externa, nos discos intervertebrais e em outros locais.
As cartilagens oferecem sustentação e forma, além de evitar o atrito e o desgaste entre ossos que se articulam com movimentos.

O tecido sanguíneo é o próprio sangue, que é formado por uma parte líquida denominada de plasma, e por elementos figurados encontrados no plasma. Sua principal função é transportar gás oxigênio e substâncias nutritivas para as células e defender o organismo contra a ação de micro-organismo.
Glóbulos vermelhos ou hemácias- transportam gases, principalmente o gás oxigênio.
Glóbulos brancos ou leucócitos-defender o organismo contra células invasoras, como bactérias.
Plaquetas-necessárias para o processo de coagulação do sangue.

O tecido hematopoético produz as células do sangue.
Está presente na medula óssea vermelha de vários ossos de esqueletos e em certos órgãos.
A medula óssea produz as hemácias, as plaquetas e alguns tipos de leucócitos. Nos órgãos são produzidos outros tipos de leucócitos, os linfócitos.

O tecido adiposo é um tecido conjuntivo diferente formado de células que armazenam gordura na tela subcutânea (hipoderme) que é o maior deposito de energia do corpo humano. Em pessoas com massa normal, o tecido adiposo corresponde a 20%-25% da massa corporal na mulher e 15%-20% no homem. Ele se distribui por todo o corpo, e seu acúmulo em certos locais, como parede do abdome e nádegas, depende do sexo e da idade. A camada de gordura situada sob a pele que, além da função energética, exerce proteção contra o frio forma o panículo adiposo.

O tecido conjuntivo propriamente dito se encontra distribuído por todo o corpo e é o tecido mais comum. Ele preenche espaços entres as fibras e os feixes musculares, serve de apoio para os epitélios e forma uma camada em torno dos vasos sanguíneos. Apoiando e nutrindo células epiteliais, o tecido conjuntivo é encontrado na pele, formando a derme, nas mucosas e nas glândulas.
Quando ele é rico em fibras que apresentam grande resistência, forma os tendões, que ligam os músculos aos ossos.